Diário de Campanha

Dungeons & Dragons - Forgotten Realms 3.5 - São Paulo / SP / Brasil

Aqui está e será publicado todo o meu trabalho como Dungeon Master. A campanha data do início de 2007, onde os seis meses iniciais foram necessários para a criação da estória (história) chamada “Cofre dos Deuses”, composta das crônicas:

“Casa de Prata”; com localização inicial em Lua Argêntea.
“Legiões de Tamoril”; na Cidadela de Tamoril.
“Serpente Branca”; na cidade de Águas Profundas.
“Vingança em Prata”; localizada na cidade de Luskan.

Criei apenas um esboço com fatos importantes, algumas dezenas de Personagens do Mestre e as chaves que poderiam desenvolver a aventura. Tentei tratar as crônicas como estórias relacionadas, porém não lineares, dando aos jogadores a opção de escolher qual delas fazer ou não.

Dungeon Master

15 de mar de 2012

Personagens (Dungeon Master)


                    O Veneno da Serpente

Adeth "Serpente Branca", já demonstrou em inúmeras situações que é uma poderosa adversária. Sua fama, talvez a cantora mais famosa de Faerûn, lhe concede uma imagem sólida e livre de qualquer suspeita. Sua capacidade de "estar em dois lugares ao mesmo tempo" intriga seus inimigos, sendo exatamente essa tática (a desorientação) a favorita da maior líder da organização "As Serpentes".

A calculista Adeth parece não importar-se com o bem-estar de ninguém, mas mesmo ela possui seu "ponto fraco". O passado da bela cantora esconde um grande pesar, a morte de Paero Panthom, talvez o único que despertou amor na mimada garota. No presente é seu esposo, Aurol Horn II, o único que realmente entende suas motivações, criando assim um forte vínculo.




Aurol Horn II


O libertino Aurol Horn II, filho de Aurol Horn I, dono da maior frota marinha de transporte da costa da espada, nunca imaginou que encontraria alguém mais belo e mais determinado em satisfazer os instintos. Assim, desenvolveu uma grande admiração por sua esposa, transformando-o no maior confidente de Adeth (A única coisa que Adeth mantém em segredo é a sua participação na "Serpentes", isso para não por seu esposo em risco). Aurol continua sua vida desregrada, mas hoje, ele possui respeito e preocupação por aquela que já considera sua "Alma Gêmea".


Aurol Horn faria qualquer coisa para manter sua beleza e devassidão por toda eternidade. Outra grande preocupação é com Adeth; para preservar sua esposa ele seria capaz de tudo.




Paero Panthom "Gênio Fantasma"


O jovem Paero nasceu em uma família de "artistas de rua" em "Águas Profundas". No final de sua infância recebe uma bolsa de estudos para a maior escola de artes da cidade, hoje conhecida como Nova Olamn. No inicio de sua vida adulta já era considerado um mestre das artes, da música ao teatro, da cenografia à dança.

Para financiar seus projetos Panthom resolve lecionar, em um desses trabalhos conhece a jovem Adeth, por quem se apaixona. O pai de Adeth nada satisfeito com tal romance, e já com planos para o futuro casamento de sua filha, ordena aos seus capangas que Paero Panthom "desapareça" para sempre. Paero é covardemente atacado, e em seguida queimado vivo!

Um milagre acontece e Panthom sobrevive, por algum tempo faz da região das docas seu lar, mais tarde descobre construções antigas nos esgotos da cidade, onde constrói seu palácio, o museu subterrâneo "Refúgio da Arte". Paero adotou o codinome "Gênio Fantasma", vive de sua arte e de todo o mistério que a envolve. Acompanha de longe, mas com fervor, a vida de Adeth, conhecendo detalhes que mesmo ela não sabe da existência. Panthom atualmente vigia as ações de "Sombra Pálida", pois desconfia de seu exagerado zelo por Adeth.


 Panthom encontrou Aurol pessoalmente, e ficou surpreso ao descobrir que o esposo de Adeth conhece muito bem sua história. Aurol Horn II é o único que sabe que o Paero está vivo, e que ele é o famoso "Gênio Fantasma", mas prometeu manter segredo.

Um comentário:

  1. Inspiração ou cópia deslavada;

    "O Fantasma da Ópera" original de Gaston Leroux, porém eu gosto mais do fantasma POP do Webber!

    "O Retrato de Dorian Gray" original de Oscar Wilde, mas foi Alan Moore que me apresentou!

    ResponderExcluir

Pesquisar: Os Reinos Esquecidos

UDG FR